Espaço Cultural BRDE e Museu Paranaense lançam série de podcasts sobre erva-mate

O Museu Parananese e o BRDE lançam uma série de podcasts como parte do programa Circuito Ampliado – Acervos em Circulação. Trata-se de uma cooperação institucional idealizada pelo Mupa e o Espaço Cultural BRDE – Palacete dos Leões. A iniciativa prevê também duas exposições, ainda sem data de abertura, que discutem memória, representação, identidade e representatividade, tanto da erva-mate em si como da sociedade paranaense em sua ampla formação.

Com o título “Mulheres e Erva-mate”, o primeiro episódio da série de podcasts traz uma entrevista com a socióloga e professora Amélia Siegel Corrêa. A partir da figura de Maria Clara Abreu de Leão, Amélia traça um panorama da Curitiba da virada do século 19 para o 20, com foco na participação das mulheres na cadeia produtiva da erva-mate da época.

A cada mês, um novo episódio será disponibilizado nas redes sociais do Museu Paranaense e do Espaço Cultural BRDE – Palacete dos Leões.

O programa Circuito Ampliado – Acervos em Circulação tem como objetivo incentivar a pesquisa em acervos, estimular novos recortes curatoriais e proporcionar a ampliação de públicos com a circulação de acervos de Curitiba. A primeira iniciativa nesse sentido foi fomentar pesquisas sobre acervos relacionados à erva-mate, buscando amplificar as percepções sobre o patrimônio ervateiro a partir da perspectiva histórica, antropológica, artística e cultural. 

Para o diretor do BRDE, Wilson Bley, a cooperação entre instituições é uma das formas de valorizar o patrimônio paranaense e incentivar o fortalecimento da cultura e da pesquisa. “Nessa colaboração firmada entre o Palacete dos Leões – Espaço Cultural do BRDE e o Mupa nossa proposta foi incentivar a pesquisa sobre o patrimônio ervateiro a partir do importante acervo do Museu Paranaense, o primeiro criado no Paraná, em 1876”, destaca.

Para ler mais, acesse: http://www.aen.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=111507